DESCOMPLICA, UNINA!: UM SUPORTE PARA ESTUDAR PARA O ENADE

A Faculdade Unina criou o Descomplica, Unina!, um canal de publicações de textos que trarão dicas a respeito da língua portuguesa para auxiliar no seu estudo. 

Nesse sentido, sempre na primeira semana de cada mês, serão publicados textos com dicas e reflexões relacionadas à língua(gem): como melhorar na escrita, dicas de mobilizações de recursos gramaticais etc.

Mais precisamente aos alunos que farão o Enade, é comum que tenham dificuldades no momento de produzir um texto, como nas questões discursivas da prova!

Parece que a sensação é como se o cérebro paralizasse, certo?! Ainda mais quando se pede para que você escreva um texto argumentativo!  

Por isso, o “Descomplica, Unina!” vai lhe ajudar a compreender que escrever não é “um bicho de sete cabeças”, como dito nos modos populares brasileiros, muito menos se sair bem na prova do Enade

Como Estruturar um Texto Argumentativo

Nesse primeiro texto, apresentaremos como você pode estruturar um texto argumentativo. 

De antemão, é preciso entender que o seu texto deve expor um tema específico e, ao mesmo tempo, defender uma ideia por meio de argumentos.

Os argumentos são utilizados como recursos textuais para que o seu leitor compreenda o seu ponto de vista. 

Nesse sentido, para um texto padrão, com média de 15 linhas, ele deve iniciar sempre pela introdução.

Nesse momento, você precisa deixar bem claro ao leitor qual tema/assunto será abordado e qual a tese (seu o ponto de vista) que será defendida.  

Dito, isso, há alguns tipos de introduções, mas o que será usado aqui, como exemplo, é a  introdução por alusão histórica cujo tema é  “Medidas para combater a intolerância religiosa no Brasil”. 

Introdução

Você pode iniciar o seu texto trazendo reflexões acerca de um momento histórico importante que faça referência ao tema proposto, servindo, assim, de base para propor uma comparação. 

Veja como isso acontece nos exemplos a seguir:  

  1. A intolerância religiosa não é algo novo, pois, ao longo da história da humanidade, essa prática já existia. Na Idade Média, por exemplo, isso foi muito marcante por conta da inquisição praticada pela religião católica, onde a igreja julgava e condenava as pessoas e muitas delas morreram queimadas nas fogueiras.

  2. O Brasil é considerado um país laico, mas, atualmente, o que vem sendo noticiado é bem diferente. A cada dia, presenciamos casos de discriminação, intolerância e até mesmo atos violentos sofridos por algumas religiões …

Desenvolvimento

Já nos parágrafos seguintes, você deve abordar o desenvolvimento do seu texto, trazendo as suas ideias relacionadas ao assunto. É nesse momento que os argumentos o ajudarão a defender a sua tese.   

Veja no exemplo a seguir, denominado como argumento por explicação, como é possível abordar as suas ideias no desenvolvimento.

No entanto, antes disso, vale ressaltar que o argumento por explicação, o mais comum em textos curtos como nas questões discursivas do Enade, esse tipo de argumentação ocorre por meio de exemplo específico junto ao foco principal do parágrafo, você o menciona com o propósito de justificar a sua ideia.

O tema, que será usado como exemplo é: “Como as fakes news ajudaram nas últimas eleições”. 

As últimas eleições no Brasil vêm sendo marcadas pelas “fake news” e muitos políticos conseguiram ganhar as eleições com a ajuda delas, mas essa prática não é nova, ela já é antiga aqui no país. Como exemplo a esse fato, pode-se recordar que antes de implantarem a ditadura no Brasil, em 1964, os militares brasileiros, junto com o governo norte-americano, espalharam notícias falsas para desestabilizar o governo vigente na época. 

Conclusão

Para finalizar o seu texto, você trazer uma conclusão, momento em que se apresenta a visão geral do tema do texto com o intuito te finalizá-lo.  

No exemplo utilizado aqui, para auxiliá-lo a compreender melhor essa perspectiva, trazemos a conclusão por síntese, que, como o nome já diz, é quando você faz um resumo (síntese) do texto para poder conclui-lo. O tema, que será usado como exemplo é: “Desafios para a formação educacional de surdos no Brasil” 

Logo, a fim de garantir que os estudantes com deficiência auditiva tenham pleno acesso à formação educacional, cabe ao Estado realizar as adaptações  necessárias em todas as instituições de ensino, que vão desde as escolas até as universidades públicas, por meio do redirecionamento de verbas para essas instituições, do ambiente adequado, das ferramentas adequadas e da capacitação de profissionais para atuarem junto a esses estudantes com o intuito de dar acesso à educação a eles. 

Apresentamos neste primeiro texto, como você o estrutura. Nas próximas publicações do Descomplica, Unina!, serão trabalhadas cada parte específica do texto: introdução, desenvolvimento e conclusão. 

Gostou? Ficou com dúvidas? Entre em contato com o setor do PROLAC, o Programa de Letramento Acadêmico da Faculdade Unina: carla.sanches@unina.edu.br ou luis.gabriel@unina.edu.br .

Texto escrito por: Profa. Carla Emanuelle Sanches 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Mais
Publicações
POR QUE EU DEVO ME ADAPTAR À PANDEMIA?
Por Que eu Devo me Adaptar à Pandemia?

Recursos on-line ganham destaque nas instituições de ensino e no mercado de trabalho.  O ano de 2020 foi marcado pelo início da pandemia, causada pela COVID-19 Com o número