Menu

O que é Perícia Grafotécnica e como os Profissionais da Pedagogia podem atuar nessa área?

O Perito Grafotécnico é um profissional responsável por analisar e identificar a veracidade de assinaturas em documentos.

Perícia Grafotécnica, uma profissão com muita demanda e poucos profissionais para prestar serviços. 

Com boas remunerações e cursos de capacitação simples, a profissão de Perito Grafotécnico tem crescido muito nos últimos anos. 

Pedagogo(a), sua próxima área de atuação pode ser aqui, na perícia grafotécnica. 

Se você não conhece esse termo e ficou curioso para saber mais sobre essa profissão, leia esse artigo até o final e, assim, descubra como você pode se tornar um Perito Grafotécnico. 

O que é um Perito Grafotécnico? 

O Perito Grafotécnico é um profissional responsável por analisar e identificar a veracidade de assinaturas em contratos, de cheques, escrituras, além de outros documentos.  

Dessa forma, é possível atuar na análise de documentos isolados, como também acompanhar todos os trâmites de uma negociação.

Dentre as fraudes que podem ser apontadas na perícia grafotécnica estão:  

  • Assinaturas fraudulentas; 
  • Escrituras Falsificadas; 
  • Cheques adulterados; 
  • Entre outras.  

O “gesto gráfico”, que utilizamos em nossas assinaturas, é único, ou seja, possibilita a análise e a identificação do responsável.  

Sendo assim, O profissional da perícia grafotécnica é capacitado para analisar minuciosamente esses traços, pois compara documentos oficiais e utiliza diversos recursos de precisão, para afirmar se a assinatura é realmente da pessoa.

Uma nova área de atuação para pedagogos!  

Um Perito Grafotécnico pode trabalhar de duas formas: Perícia extrajudicial e Perícia judicial.  

  • Perícia Extrajudicial: Nesse caso, a contratação é feita por um cliente particular e a sua análise não tem valor no Tribunal, ou seja, sendo apenas um serviço prestado.

    Desse modo, o Perito grafotécnico pode atuar como assistente técnico para empresas, como escritórios, cartórios, advocacias, bancos, etc. 
  • Perícia Judicial: Após uma nomeação por um juiz, o profissional se torna um perito no juízo, assim, elabora um laudo diretamente para a Justiça. 

    Sendo assim, na Perícia Judicial é possível contratar o profissional para uma apresentação de laudo contrário. Desse modo, o profissional é designado como assistente técnico.

Quem pode ser perito grafotécnico?

Não é necessário ser de uma área específica para se tornar um Perito Grafotécnico.  

Porém, a maioria dos interessados nessa atuação são os profissionais, graduados em Pedagogia, Psicologia, História, Letras, Direito, Arquivologia, Biblioteconomia, como também, Gestão de RH

Contudo, para se tornar um Perito Grafotécnico é preciso fazer um curso de especialização na área para adquirir os conhecimentos da grafoscopia.

Importante!

Antes de tudo, para atuar como Perito Judicial é preciso uma formação superior em qualquer área de atuação.  

Vale ressaltar também que, para a perícia judicial, alguns tribunais podem exigir um período mínimo de formação, ou seja, de 2 a 3 anos.  

Quanto ganha um perito grafotécnico? 

Primeiramente, na Perícia Grafotécnica os ganhos podem variar conforme a demanda e a qualidade oferecida.

Continuando, o valor que esse profissional recebe, pode variar, sendo possível receber por hora ou pela quantidade de serviços prestados.  

Vale lembrar que, apesar de não ser um trabalho fixo, o valor cobrado para a prestação de um trabalho é mais atrativo que muitas áreas de atuação.  

Em média, o valor cobrado para uma perícia de assinatura simples para um serviço particular é de RS2.500,00.  

Por outro lado, para uma perícia jurídica de uma assinatura simples, o valor pode chegar a R$4.000,00.  

Concluindo, com esses dados é possível estimar quanto um Perito Grafotécnico pode receber, visto que o valor pode variar conforme a categoria do documento, além do tempo necessário para a execução da perícia.  

Onde fazer o curso de perito grafotécnico para pedagogos? 

Ante de tudo, já se imaginou em outra área de atuação, analisando assinaturas e, consequentemente, sendo bem remunerado(a)?

Isso já é realidade com a Pós-graduação de Perito Grafotécnico para Pedagogos da Faculdade UNINA! 

Um curso voltado para a formação de profissionais especializados em perícias de assinaturas, portanto, aptos a identificar a autenticidade ou falsidade de documentos.  

Desenvolvemos uma pós especialmente para os profissionais de pedagogia, ou seja, para prepará-los para uma nova área de atuação. 

Em primeiro lugar, venha estudar na Faculdade que é nota Máxima no Enade e reconhecida pela educação transformadora e inclusiva para todos! 

Em segundo, obtenha um certificado de Perito Grafotécnico válido em todo território nacional.

Concluindo, amplie as suas oportunidades no mercado de trabalho!  

Matricule-se já nessa pós-graduação. Acesse: unina.edu.br/peritografotecnico e comece o seu curso ainda hoje!

Tópicos

Faculdade Unina